terça-feira, 18 de agosto de 2009

Murici





17 quilômetros de estrada de barro.



A lembrança da estrada é sempre assimilada ao sabor do murici.



Quando chegava ao destino, logo na entrada um pé de murici, o condutor parava a Kombi e o passageiro corria para abrir a porteira, antes de fechá-la comia um murici para adoçar o fim de semana.



Lembranças e sabores estão sempre lado a lado.



Olhos fechados, mente centrada, lembranças do passado, como:

Sobremesas;

Férias;

Viagens;

Lugares;

Cada uma um sabor;

Essa em especial de murici.



De volta à estrada mais 17 quilômetros de volta para o Estadão.



A Kombi não passava dos 80 km/h, era o peso da carga.

Frutas para os amigos, família, vizinhos. Saudade do cheiro das frutas exóticas daquele lugar.

Olhe para traz e lembre os sabores deliciosos que na vida cultivou

4 comentários:

  1. Hmn... Dá até pra sentir o cheiro do caqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro, pena que o sabor ficou somente na lembrança.

      Excluir
  2. Adorei seus blogs, estão todos no meu favoritos !! Parabéns ! Sucesso sempre
    mil beijos
    Alê

    ResponderExcluir